Quer abrir uma loja virtual?

Marketing de afiliados: o que é e como implementar em 2022

veja nesse artigo como começar a trabalhar com marketing digital afiliados

O mercado de marketing de afiliados é uma indústria multibilionária com diversas oportunidades para criadores de conteúdo. Ele está se tornando rapidamente uma forma comum das marcas de e-commerce apresentarem seus produtos e serviços. A pandemia aumentou o interesse em marketing digital de afiliados em 2020 e os efeitos permanecem até hoje.

Por mais que hoje em dia o e-commerce conte com mais de uma estratégia de marketing digital para chamar a atenção de seus clientes em potencial, como o marketing de influência e o marketing de conteúdo, uma estratégia de marketing de afiliados pode ser o instrumento ideal para construir uma relação duradoura com o seu público-alvo.

Afinal, com uma estratégia de marketing de afiliados, você ganha mais recursos para tornar a identidade visual da sua marca confiável (tanto aos olhos dos seus clientes como aos olhos das marcas que promovem vendas como afiliado).


O que é marketing de afiliados e como funciona

O marketing de afiliados é um modelo de vendas em que uma empresa paga terceiros (influenciadores digitais ou uma marca, por exemplo) para vender seu produto ou serviço. Se você já escutou um podcast ou viu um influencer promovendo um produto nas redes sociais, site ou blog, eles estão promovendo marketing de afiliados. Recomendando produtos e serviços para seu próprio público, eles recebem uma comissão sobre cada venda resultante da sua influência ou benefícios em troca de cliques.

Marketing de afiliados para iniciantes

Depois de escolher um programa de afiliados ou se cadastrar em alguma das várias opções de plataformas de afiliados disponíveis, eles recebem um link ou código único que permite que as marcas rastreiem cada cliente que chegar até elas por eles. Se alguém realizar uma compra de um produto por esse link, eles ganham uma comissão.

O marketing é, sem dúvidas, a ferramenta mais importante de qualquer afiliado, embora muita gente tenha a impressão errada de que todos eles usam estratégias de marketing digital para anunciar promoções e produtos. A verdade é que muitos desses profissionais acabam se preocupando mais com as métricas de desempenho e custo por ação, além dos tipos de divulgação.

O objetivo de uma estratégia de marketing de afiliados é ampliar a mensagem de uma marca. Os afiliados podem (e devem) usar seu espaço nas redes sociais para construir e fidelizar seu público-alvo. A longo prazo, isso significa construir uma audiência extremamente engajada e interessada em diversos produtos, potencializando a margem de lucro e o número de vendas como afiliado – o que é interessante não só para o afiliado, mas também para as marcas.

Leitura recomendada: Calendário editorial para redes sociais: saiba por que você precisa de um em 2022

Como ganhar dinheiro com marketing de afiliados

 É fácil se perder em conceitos como taxa de conversão, botões de chamada para ação, custo por lead, comissão e em outros detalhes durante a criação de um anúncio. Mas você não pode se esquecer de que o objetivo de qualquer mensagem, seja ela paga ou não, é um só: transmitir o valor do produto para o cliente.

Muitos acabam acumulando resultados negativos (e uma péssima reputação) porque se concentram demais nos elementos de um anúncio e se esquecem de que o segredo do sucesso no marketing de afiliados não está nos dados que medem o seu desempenho, mas sim na forma como o público-alvo vai consumir aquele conteúdo, como eles vão identificar aquela marca e qual a relevância daquele anúncio para sua experiência de compra.

Os afiliados precisam expandir seu horizonte e começar a analisar com mais cuidado o que está além das métricas. Hoje em dia, as marcas que promovem programas de afiliados não estão preocupadas só com o número da retenção de clientes fidelizados ou o percentual de vendas realizadas pelos afiliados – elas estão interessadas na qualidade dessas conversões.

Como afiliado, é essencial que você saiba de que forma anunciar a marca que está promovendo, assim como é essencial que você consiga converter e redirecionar clientes com potencial de fidelização. Lembre-se: a qualidade das vendas geradas é mais importante do que a quantidade de vendas.

Essa mudança de foco dentro do marketing de afiliados é bastante positiva para os afiliados, que agora têm liberdade para criar seu conteúdo, permitindo a criação de um público-alvo mais engajado e, por consequência, o desenvolvimento de uma prática comercial mais sustentável. Veja o exemplo da Sallve, que sempre trabalha com influenciadores em sua estratégia de marketing digital, valorizando a mensagem da diversidade:

 

Como começar a trabalhar com marketing digital de afiliados

1. Estabeleça uma identidade própria

influencers que fazem publicações sobre yoga sabem como ganhar dinheiro com marketing de afiliados

Um afiliado é uma extensão da marca que está sendo anunciada: seus anúncios e mesmo seu sucesso financeiro estão diretamente relacionados ao modo como você converterá seu público-alvo e realizará vendas como afiliado.

De uma certa forma, o afiliado precisa conhecer tão bem o produto de uma loja a ponto de conseguir anunciá-lo com mais sucesso do que a própria marca. Além disso, é essencial que o público-alvo do afiliado confie nessa marca. Caso contrário, a venda simplesmente não acontecerá.

Vale lembrar que muitas marcas investem em marketing de afiliados porque estão buscando afiliados capazes de atingir públicos que elas simplesmente não conseguem conquistar. Isso significa, então, que é justamente a confiança que seu público tem em você ou na sua marca que o torna um afiliado ou afiliada com alto potencial. É uma estratégia de retargeting, ou redirecionamento.

O que você representa para os clientes dessa marca? Você é um especialista em algum assunto? Eles confiam na qualidade dos conteúdos e dos produtos que você publica? Identifique aquilo que te torna relevante e use esse elemento como a pedra inicial na construção da identidade da sua marca digital.

Uma última estratégia relevante é: dê um rosto à marca – de preferência, o seu. Os clientes gostam de saber que há uma pessoa de carne e osso por trás da tela, e esse pequeno gesto muitas vezes é o primeiro passo para construir uma relação de confiança com eles.

Veja abaixo como o influencer Victor Oliveira apresentou uma publi em parceria com a Sephora.

Só quem o acompanha no Instagram reconhece algumas das referências que ele usa no vídeo. Ou seja, ele tem um público-alvo já fidelizado e pode promover marcas de forma informal e descontraída. O que nos leva ao tópico seguinte…

não sabe como começar a trabalhar com marketing digital afiliados tente café ou jardinagem

2. Desenvolva uma estratégia de marketing de afiliados que tenha como foco seu público-alvo

As estratégias de marketing que colocam o público em primeiro lugar trabalham com a ideia que é mais lucrativo segmentar o público em grupos menores do que criar um único conteúdo genérico para todo tipo de cliente. Portanto, ao investir em uma estratégia de marketing de afiliados, concentre-se no segmento do seu público-alvo que está mais propenso a seguir a marca (e que tem maior potencial para ser um cliente fidelizado) – um nicho.

Um nicho é um segmento de um mercado maior definido por suas características próprias. Ele vira sua especialidade e o motivo pelo qual as pessoas te conhecem. Blog de viagens, por exemplo, é um nicho de marketing de afiliados, assim como produtos de pet shop, café e jardinagem.

Escolher um nicho é uma decisão comercial estratégica para atender uma base de clientes específica. Desse modo, você consegue conquistar um público fiel que vai comprar os produtos que você anunciar, não a sua concorrência.

Leitura recomendada: Nicho de mercado ideal: 8 exemplos inspiradores para o seu e-commerce

o que é marketing de afiliados e como funciona - como uma fatia de pizza, com segmentação

3. Invista em estratégias de segmentação

O objetivo de uma estratégia de segmentação é delimitar as variantes demográficas e geográficas para que você possa definir os subgrupos presentes em um público-alvo e determinar uma buyer persona: o cliente “ideal” de uma marca. Buyer personas são ferramentas de marketing úteis em qualquer processo de segmentação, já que ajudam a qualificar os clientes em grupos específicos e, dessa forma, otimizam a criação de mensagens personalizadas.

Se você optar por anunciar no Facebook ou no Google Ads, explore os recursos disponíveis nessas plataformas para controlar o tipo de exposição que o seu anúncio receberá: para quem ele será anunciado, de que forma e por quanto tempo.

No Google AdWords, por exemplo, é possível controlar a segmentação de anúncios com pequenos ajustes no conteúdo, alterando palavras-chave ou até mesmo o modo como o anúncio será encontrado. O AdWords também permite ajustar os anúncios de acordo com a localização geográfica, o fuso horário, a idade e o gênero do cliente.

Outro recurso incrível do AdWords é a segmentação por públicos-alvo de afinidade, que permite criar públicos-alvo com base em algum critério específico de nicho. Você pode, por exemplo, criar um público similar àquele que já compra nos seus concorrentes.

as plataformas de marketing digital afiliados incluem podcasts, redes sociais e outros meios digitais

As melhores ideias de negócio online

Descubra quais são as melhores ideias de negócio online e comece a vender na internet hoje mesmo.

4. Experimente diferentes canais e formatos

É sempre bom lembrar que os melhores canais para anunciar são justamente aqueles frequentados pelo seu público-alvo. Por isso mesmo, é importante estar atento à jornada de compra dos clientes e os canais de comunicação mais utilizados por eles na hora de pensar onde atuar no marketing de afiliados.

Para ampliar o alcance da marca, você pode experimentar formatos diferentes de anúncios em diferentes canais digitais: TikTok, Instagram e YouTube, além das plataformas de afiliados. Cada um desses formatos é capaz de proporcionar experiências relevantes e extremamente personalizadas, de modo que são recursos interessantes para sua marca.

Plataformas de marketing digital de afiliados 

Para escolher uma plataforma e um método, pense quais são as plataformas que você mais usa e entende melhor. As plataformas de afiliados mais comuns são:

Começar em uma plataforma de marketing onde você se sinta à vontade ajuda você a criar conteúdo de qualidade, conquistando um público maior e mais participativo que pode fazer você realizar vendas com o marketing de afiliados.

5. Adote uma estratégia de publicidade nativa

A publicidade nativa é uma espécie de conteúdo pago que funciona como conteúdo orgânico. Nesse sentido, é uma publicidade completamente diferente daquela mais tradicional, que costuma aparecer em pop-ups ou em janelas extremamente coloridas e chamativas (que, muitas vezes, atrapalham a navegação do cliente).

Como é exibida de maneira integrada ao conteúdo do site, a publicidade nativa parece mais natural – e, por isso mesmo, gera resultados melhores. Você pode utilizá-la em praticamente todos os canais de marketing, como as redes sociais, o YouTube ou mesmo na sua estratégia de e-mail marketing.

Além disso, ela apresenta algumas vantagens: não é invasiva como um banner que fica piscando sem parar e é mais uma opção para criação de conteúdo para sua marca. Os consumidores olham mais para os anúncios nativos do que para os anúncios tradicionais. A publicidade nativa gera um aumento na intenção de compra, e o engajamento visual com ela é ligeiramente maior do que com o conteúdo editorial.

 para uma estratégia de marketing de afiliados eficaz conteúdos técnicos no seu site são essenciais

6. Utilize conteúdos técnicos para criar uma estratégia de marketing digital de afiliados duradoura

Os conteúdos técnicos são recursos excelentes para afiliados que querem desenvolver um público-alvo engajado e fidelizado. Aliados a uma estratégia de marketing digital, esses conteúdos podem ser ampliados e anunciados para públicos similares aos seus.

Uma excelente forma de distribuir esses conteúdos e conquistar clientes em potencial é criando um botão de chamada para ação que solicita um endereço de e-mail ou uma curtida nas redes sociais. Você pode compartilhar guias, eBooks, vídeos, templates ou até minicursos – criando, assim, uma relação dinâmica e potencialmente lucrativa.

É verdade que esta estratégia possivelmente não renderá resultados imediatos; no entanto, é uma que, a longo prazo, pode criar um ambiente especialmente positivo para quem trabalhar com marketing de afiliados.

Dúvidas frequentes em marketing de afiliados

Quais são os benefícios de se tornar um afiliado?

Não crie anúncios para promover produtos: comunique uma mensagem relevante. Produtos vêm e vão conforme tendências de mercado, mas um público-alvo fidelizado é algo que pode ser cultivado ao longo de anos. Colocar o seu público-alvo em posição de destaque permite a criação de conteúdos feitos sob medida, que levam em conta as demandas e os interesses dessas pessoas. Depois de conquistar a confiança da sua audiência, você pode começar a monetizar os conteúdos com serviços e produtos relevantes.

Vantagens e desvantagens de trabalhar com marketing de afiliados

Porém, lembre-se: o retorno financeiro não será imediato. Esta estratégia é uma que dará frutos lá na frente – e que fará de você um afiliado confiável. As marcas que promovem programas de afiliados estão inaugurando um novo movimento dentro desse tipo de marketing: um que está voltado não para afiliados que conseguem gerar centenas ou milhares de vendas todos os meses, mas sim para aqueles capazes de construir uma relação de confiança com seus públicos-alvo.

Perguntas frequentes sobre marketing de afiliados

Marketing de afiliados: como começar?

Antes de mais nada você precisa se estabelecer no ambiente digital, tendo um blog, um podcast ou alguma influência em uma rede social, para poder conquistar seu público-alvo. A partir daí, você começa a criar sua estratégia de marketing de afiliados com um programa de afiliados ou uma plataforma.

Marketing de afiliados é seguro?

O marketing de afiliados é um processo completamente seguro, pois trata-se de uma transação entre uma marca e terceiros, sejam eles individuos ou outra marca.

Como funciona o sistema de afiliados?

Um afiliado anuncia um produto de uma marca para alcançar um público que ela ainda não conquistou. Você precisa "vender" esse produto muito bem, pois só vai lucrar se a venda for realizada por seu intermédio.

Quais são os mitos sobre marketing de afiliados?

Muita gente acha que marketing de afiliados é furada ou um esquema de pirâmide, mas a verdade é que essa é uma indústria multibilionária com diversas oportunidades para criadores de conteúdo.

Quer saber mais?


Marina Borges Redatora ShopifySobre a autora

Marina Borges é tradutora. Mãe de pets e plantas, é apaixonada por carnaval e música das antigas.

Texto original de Laura Andersen.

Você tem dúvidas sobre a Shopify?

Fale com a nossa Central de ajuda

Tópicos:

Quer abrir uma loja virtual?