Quer abrir uma loja virtual?

Loja de bijuterias, joias e semijoias: um guia completo

Illustration of a woman counting coins into a jar. The coin shapes are echoed in the beads in her necklace

Na busca por um hobby para se ocupar durante o período de distanciamento social devido à pandemia da covid-19, Clara comprou no atacado uns pacotes de miçangas, fios de náilon, fechos e terminais, começou a fazer suas próprias bijus e a exibi-las com looks completos em seu perfil pessoal no Instagram.

Não demorou muito para que amigas se interessassem e Clara começasse a fazer pulseiras e colares para dar de presente. Depois de alguns meses, veio a ideia: e se ela criasse uma loja virtual de bijuterias para tornar seu hobby uma fonte de renda?

Neste artigo, você vai encontrar tudo que procura sobre como vender bijuterias online e começar a sua própria loja virtual

Primeiros passos para vender bijuterias pela internet

Siga essas dicas para os preparativos:

1. Qual tipo de bijuterias sua loja virtual vai vender?

Há bijus que utilizam materiais de menor qualidade e com pouca expectativa de durabilidade, que podem ser mais baratas. Caso prefira oferecer acessórios mais duráveis, mas ainda acessíveis, uma boa opção é se dedicar a semijoias, como folheados de prata ou ouro e pedras preciosas. Bijuterias finas são um bom caminho para investir em um público de maior poder aquisitivo e cobrar mais por peça.

Avalie qual estilo se adequa mais a suas inspirações, habilidades, seu orçamento e cliente ideal e escolha um para dar o pontapé inicial. 

2. O que vender em uma loja de bijuterias?

As possibilidades do que vender em uma loja virtual de bijuterias são múltiplas:

  • Colares;
  • Gargantilhas;
  • Brincos;
  • Anéis;
  • Pulseiras;
  • Tornozeleiras;
  • Pingentes.

Mas cuidado: não é só porque há tantas opções que você deve investir em todas elas de uma vez!

No início, selecione poucos itens. Pense em algo que represente seu estilo e o que seus clientes devem esperar de sua marca. Comece aperfeiçoando o que tem e, conforme as compras em sua loja forem crescendo e você for ganhando mais segurança, adicione as novidades e vá investindo em variedade aos poucos.

Com o tempo, vale expandir para produtos relacionados, como caixas de bijuterias e acessórios para cabelo, como presilhas, tiaras e arcos. 


Você tem uma ideia de negócios?

Comece o seu teste grátis de 14 dias da Shopify hoje mesmo, sem precisar de cartão de crédito!

3. Defina seu cliente ideal

Há perfis variados de pessoas que querem comprar bijuterias. Saber qual deles está mais alinhado à sua proposta é uma estratégia indispensável para obter sucesso nas vendas. Quem você visualiza usando uma biju feita por você? Para te ajudar, preparamos esse artigo cheio de dicas do que você precisa para identificar seu perfil ideal de consumidor. 

4. Fique de olho nas tendências e dê seu toque pessoal

Quem quer se aventurar em qualquer tipo de e-commerce deve se atentar às tendências do momento e usá-las como inspiração. Do que as pessoas estão falando mais agora e podem querer comprar? Aproveite o que está em alta e atente-se para manter sua identidade, dando um toque pessoal a tudo que incorporar à sua produção.

Além disso, você também pode oferecer produtos personalizados para o gosto de seus clientes. A SKULL se especializa em joias personalizadas e, em seu site de vendas, dedica uma área para compradores fazerem pedidos customizados, selecionando o tipo e o material do que buscam.

Três modelos de joias personalizadas da loja Skull

5. O que caracteriza sua marca?

Talvez você curta criar colares, brincos, pulseiras e todo tipo de biju, mas não tenha uma ideia clara do que torna seus acessórios únicos. Para garantir que quem quer comprar bijuterias compre com você e não de outras lojas, sua identidade tem que estar bem definida, pois é ela que fará seu cliente ideal te reconhecer e escolher os seus produtos.

Aqui vão alguns elementos essenciais para esta etapa:

  • Escolha um bom nome. Pense em algo que represente sua proposta e que seja original e memorável. Para ter ideias, pense em suas inspirações e sua história, o que te levou a querer criar uma loja de bijuterias. Pesquise para conferir se o nome que escolheu já existe e, se confirmar que ele pode ser todo seu, registre um domínio para criar seu site!
  • Crie um logotipo para sua loja. Além do nome, uma logo marcante irá ajudar sua loja a ser mais facilmente reconhecida.
  • Tenha uma identidade visual clara. Que tal buscar a ajuda de um profissional de design para bolar uma identidade visual que seja a sua cara? Assim como o logotipo, uma estética reconhecível irá destacar seus produtos quando você começar a divulgá-los.

Faça seu branding com o Hatchful!

Hatchful is a branding assistant in the palm of your hand

O Hatchful é um app criado para ajudar empreendedores feito você a construírem um projeto de identidade visual de maneira rápida e intuitiva.

Você só precisa responder a algumas perguntas sobre a sua marca e, a partir das suas respostas, o Hatchful vai sugerir logotipos e modelos já prontos para você escolher. Uma vez selecionado, customize o modelo do seu logotipo e altere as cores e fontes até deixar tudo com a cara do seu negócio. Depois é só baixar o logo nos formatos mais diversos, para que ele seja utilizado em todas as plataformas sociais.

O Hatchful é totalmente gratuito para lojistas da Shopify e também para usuários de outras plataformas, mas existem alguns templates premium dentro do app que são pagos.

6. Informe-se sobre a parte burocrática

Algumas exigências legais devem ser cumpridas para abrir uma loja virtual. Você precisa de um CNPJ, um contrato social, um alvará de funcionamento, registro na Junta Comercial, cadastro da Previdência Social, e algumas licenças que podem variar dependendo do estado ou município e do tamanho do negócio. Lembre-se de pesquisar para saber quais são os requisitos para o seu! 

Produção

Mesa com ferramentas e materiais, mãos de uma pessoa confeccionando bijuterias

Agora que você já deu os primeiros passos, mão na massa! Para produzir seus acessórios, você vai precisar de alguns equipamentos e materiais brutos.

Mesmo fazendo poucos acessórios no início, você deve aproveitar os preços mais baixos de atacado para comprá-los em grandes quantidades. Conforme for aumentando sua produção, não precisará se preocupar com esses gastos com tanta frequência.

Dependendo do estilo que definiu no início, você vai saber o que será necessário para a confecção. Aqui vão algumas dicas de ferramentas e materiais comuns, que você pode comprar atacado:

Ferramentas

  • Agulhas
  • Moldes
  • Tesouras
  • Régras
  • Alicates
  • Cola (lembre-se de conferir o material)
  • Torcedores de arame
  • Alargadores
  • Martelo

Materiais

  • Argolas
  • Fechos
  • Terminais dobráveis
  • Miçangas
  • Contas
  • Vidrilhos
  • Strass
  • Linhas e fios de náilon e silicone
  • Cordões

Além desses itens, lembre-se de comprar caixas organizadoras para todas essas miudezas e também para suas bijus depois de prontas. 

O que não pode faltar na sua loja virtual

Produção das bijus iniciada, é hora de criar sua loja para começar a vender! Neste guia para lojistas de primeira viagem, você encontra tudo sobre como criar sua loja na Shopify.

Enquanto abre sua loja no nosso ecossistema, comece a pensar nos itens abaixo como fatores que serão determinantes no seu novo empreendimento: 

Preços

Ao definir o preço de suas bijuterias, lembre-se de considerar quanto você gasta ao comprar material no atacado e quantas horas de trabalho dedica à confecção. Se cobrar um valor muito baixo, pode ser que seus ganhos não valham a pena o investimento de tempo e dinheiro. Por outro lado, se o valor for alto demais, as chances de abandono de carrinho são maiores.

💡 Dica: use as redes sociais para pesquisar outras lojas de bijuterias semelhantes às suas e mantenha em mente seu cliente ideal para atribuir um valor adequado a suas peças.

Formas de pagamento

Para melhor se assegurar de que suas vendas sejam bem sucedidas, possibilite formas de pagamento variadas e, para valores mais altos, considere oferecer descontos para quem comprar no boleto ou pagar por PIX.

Considere oferecer frete grátis para compras de valores mais altos, para a primeira compra, ou a partir de uma certa quantidade de compras, por exemplo, de modo a fidelizar esses clientes.

💎 Confira nosso guia para aprender tudo sobre checkout transparente e evitar carrinhos de compra abandonados!

Pacotes e promoções

Uma forma de tornar seus produtos mais interessantes é sugerir kits com combinações de colares com brincos, pulseiras com anéis, colares com pulseiras etc. Isso ajuda o cliente a visualizar como pode usar seus acessórios. Aproveite para propor valores promocionais para quem comprar o conjunto.

Peças exclusivas, edições limitadas e coleções temáticas também prometem ser um sucesso.

Duas imagens de meninas adolescentes usando bijuterias da loja Hello Anna

Na loja de bijuterias teen Hello Anna, por exemplo, você encontra uma coleção inspirada no tema papelaria, com anéis que parecem lápis torcidos, pingentes de tesoura e brincos em formato de clipe. 

Fotos das bijuterias

Boas fotografias de suas bijuterias são essenciais para divulgá-las no e-commerce. Na loja Só Prata, você tem acesso à imagem de um anel em fundo branco, destacando o produto, e também no dedo, o que ajuda o cliente a visualizar suas dimensões.

Imagem com o mesmo anel de prata no dedo e em fundo branco, medida 1,5cm

Dependendo do material, bijuterias podem refletir luz ou perder a clareza de detalhes quando fotografadas. Considere contratar um profissional, mas, se não tiver caixa para isso, busque fotógrafos que precisem criar portfólio e chame amigos e amigas dispostos a modelar! Para quem está começando, o melhor a fazer é reunir esforços: todos saem ganhando de alguma forma e a mágica acontece.

Guia completo sobre fotografia de produtos

Aprenda a tirar fotos incríveis dos seus produtos mesmo com um orçamento apertado.

Avaliações positivas

Inclua no seu site um espaço para depoimentos de clientes satisfeitos e avaliações positivas. Isso ajuda pessoas interessadas a terem maior segurança e decidirem comprar bijuterias na sua loja. 

💡 Dica: aprenda sobre a importância das avaliações para o SEO da sua loja virtual e a usá-las da forma mais proveitosa.

Recomendação de aplicativos

Há diversos aplicativos na App Store da Shopify que você pode adicionar ao seu site para otimizar a experiência de seus compradores em uma loja virtual e reduzir devoluções.

Para o nicho das bijuterias, uma boa recomendação é o Jewelfie. Esse aplicativo permite que clientes façam upload de fotos próprias e “experimentem” os itens através delas.

💎 Você sabe o que é realidade aumentada? Não? Então, venha aprender sobre como ela pode te ajudar nas vendas das suas bijus oferecendo uma experiência imersiva aos consumidores!.

Atenção às redes sociais

No e-commerce, uma presença marcante nas redes sociais é a melhor forma de divulgar suas peças e atrair mais pessoas. Por meio delas, você consegue construir uma identidade consistente e associar um estilo de vida à sua marca. Essa associação é um grande diferencial na entrega do seu produto. 

Bastidores

Utilize o Instagram para otimizar as compras de suas bijuterias, investindo em marketing de conteúdo. Aproveite essa rede para mostrar os bastidores do que você faz. Mostre suas inspirações, compartilhe seu processo de confecção de alguma biju, conte a história da sua loja virtual e o que aprendeu na trajetória.

Construindo esse vínculo de confiança com o público, além de ganhar compradores, com o tempo, você pode até oferecer oficinas para outras pessoas que queiram confeccionar e vender bijuterias online. 

Parcerias e networking

Converse com outras pessoas do ramo, proponha parcerias, compartilhe espaços, promova bazares virtuais. Nem tudo terá resultados diretos ou imediatos, mas conhecer mais gente é sempre uma mão na roda e pode te trazer muitos benefícios quando você menos espera. 

    Tudo pronto para se aventurar no e-commerce de bijuterias?

    Agora que você já sabe como começar, do que precisa para a produção e para abrir sua loja de bijuterias online, mãos à obra! Esperamos que este artigo tenha te preparado para empreender nesse ramo.

    Boas vendas!

    Perguntas frequentes sobre loja de bijuterias online

    O que eu preciso para começar a fazer bijuterias?

    Caixas organizadoras, miçangas, terminais, fechos, linhas, fios, alicates e outras ferramentas e materiais dependendo do estilo que escolher.

    O que vender em uma loja de bijuterias?

    Os itens mais populares são colares, brincos, anéis, pulseiras, pingentes, tornozeleiras, acessórios para cabelo (presilhas, tiaras, arcos etc.) e caixas de bijuterias.

    Como abrir uma loja de bijuterias virtual?

    Decida o tipo de bijuterias que pretende vender e siga esses passos: compre no atacado o material para produzi-las; defina quem é seu cliente ideal; crie um nome e uma identidade para sua marca; informe-se dos requisitos legais para o seu negócio; crie uma conta em uma plataforma de e-commerce, como a Shopify.

    Como ganhar dinheiro vendendo bijuterias?

    Capriche em fotos que valorizem seus produtos, tenha uma identidade reconhecível que te diferencie da concorrência; ofereça formas de pagamento variadas; invista em divulgação nas redes sociais; faça um bom atendimento ao cliente; use as avaliações positivas que receber para atrair mais pessoas interessadas.

    Which method is right for you?Sobre a autora

    Laura Pires é escritora, professora, mãe de pet e entusiasta de queijos. Passa seus dias fazendo o próprio pão, montando quebra-cabeças e adora ler um bom thriller.

    Você tem dúvidas sobre a Shopify?

    Entre em contato a nossa Central de ajuda