Quer abrir uma loja virtual?

Como vender pelo Instagram: 11 dicas essenciais para quem está começando

Logo do Instagram em 3D no fundo azul escuro

Mesmo quem ainda está no início da jornada no e-commerce sabe da importância das redes sociais na divulgação de uma marca. A questão é que há uma avalanche de informação disponível na internet e, justamente para quem está testando as águas, pode ser difícil encontrar o caminho para começar.

Sem contar que muito material por aí não foi feito para quem não faz ideia do que está fazendo, usando um monte de termos e referências obscuras.

Susana Vieira em entrevista, dizendo que não tem paciência com uma pessoa que está começando.

Felizmente, a Shopify adora ajudar e tem muita paciência com quem está começando. 😊

Confira a seguir um passo a passo de como vender pelo Instagram para iniciantes.

1. Crie um perfil comercial no Instagram

Esta etapa é o famoso “vamos começar pelo começo”. Não dá para pensar em vender pelo Instagram sem criar uma conta comercial nessa plataforma.

Se o perfil de sua loja ainda é pessoal, considere mudar agora. Para isso, basta ir até Configurações > Conta > Alternar para o perfil comercial.

Mas por que é tão importante mudar seu tipo de conta no Instagram?

Com uma conta comercial, você tem acesso a muitos recursos valiosos para definir e pôr em prática suas estratégias de marketing, como o Insights; nele, o Instagram oferece métricas para que você possa entender o perfil de seus seguidores, bem como o alcance e o crescimento de sua conta.

Outros recursos disponíveis para os usuários com conta comercial são o Instagram Ads e o Instagram Shopping, que têm uma seção dedicada a eles neste artigo, mais à frente.

Depois que sua conta virar comercial, você também terá a opção de integrá-la à fanpage de sua loja no Facebook.


2. Otimize sua bio e seu perfil no Instagram

Agora que seu Instagram é comercial, precisamos prepará-lo para receber novos seguidores, e se tem um fator que influencia bastante na decisão de seguir um novo perfil, é a bio.

É com uma bio eficaz que os usuários entendem o que sua marca faz e de que forma você pode ajudá-los. E você tem apenas 150 caracteres para conquistar seu público!

Ao escrever sua descrição, lembre-se de focar no benefício que sua loja oferece aos consumidores. “Loja de sapatos” diz ao usuário o tipo de produto oferecido, mas é genérico demais e não fala nada sobre o que faz sua marca especial.

Já em uma descrição como “Sapatos para millennials que prezam pelo conforto”, o que o usuário lê?

Sapatos… Eu gosto de sapatos. Millennials? Eu sou millennial! E nossa, eu também prezo pelo conforto. Essa marca é para mim!

Uma descrição tão específica pode parecer que você está restringindo o público que você pode alcançar, e você está mesmo.

Entenda que é impossível falar com todo mundo ao mesmo tempo de uma forma que as pessoas se identifiquem. Quanto mais você “personalizar” a sua mensagem, mais você vai tocar o coração de seus clientes e criar um vínculo mais forte com eles.

Não deixe também de incluir em seu perfil o link para sua loja virtual e todas as informações de contato, como e-mail, telefone e localização da loja (se houver uma loja física).

O Instagram oferece também a opção de incluir botões de ação em seu perfil, como, por exemplo, para fazer reservas ou marcar reuniões. Para configurá-los, vá em Editar perfil > Botões de ação.

3. Invista em fotos de qualidade de seus produtos

Um fotógrafa tirando fotos de plantas com uma câmera profissional.

Para você que está aprendendo como vender pelo Instagram, existe um investimento fundamental para seu sucesso na rede social: fotos e vídeos de excelente qualidade.

A primeira razão para apostar em fotos profissionais talvez seja mais óbvia: antes de mais nada, o Instagram é uma rede social de divulgação de imagens. Se você quer se destacar entre tantas outras imagens que são mostradas aos usuários todos os dias, suas fotos têm que ser visualmente atraentes.

As fotos dos seus produtos também são decisivas no processo de convencimento dos consumidores quando se quer vender no Instagram.

Como toda a transação se dá online, o cliente não tem a oportunidade de ver o produto ao vivo e a cores. Imagens profissionais vêm justamente para preencher essa lacuna.

Aposte em fotos e vídeos que mostrem diversos ângulos ou usos do produto, para que os clientes tenham mais noção das características e do benefício do que você está vendendo.

Fotos que mostram pessoas fazendo uso do produto costumam ser mais populares e eficientes no Instagram, pois fazem com que os usuários se enxerguem usando ou consumindo seu produto.

Se você ainda precisa de mais motivos para investir em imagens de qualidade, temos mais um: as fotos de qualidade ajudam a passar uma imagem de profissionalismo, aumentando assim a credibilidade de sua marca.

É muito comum clientes suspeitarem de perfis no Instagram cujas fotos de produtos são pixeladas ou mal editadas. Imagine se, ao abrir este artigo, você se deparasse com uma foto totalmente pixelada ou escura? Sem dúvida você torceria o nariz imediatamente e questionaria a legitimidade deste blog. Isso é porque todos os sites profissionais e confiáveis que você vê por aí têm uma coisa em comum: imagens de qualidade.

Guia completo sobre fotografia de produtos

Aprenda a tirar fotos incríveis dos seus produtos mesmo com um orçamento apertado.

4. Escreva legendas eficazes para promover sua marca

Outro fator fundamental para o seu sucesso nas vendas pelo Instagram é a legenda de suas publicações.

Muitas empresas investem em imagens de altíssima qualidade, mas acabam negligenciando o potencial das legendas. Este guia de como vender pelo Instagram tem como propósito justamente ajudar você a aproveitar todas as oportunidades de venda que a rede social oferece, e a legenda é uma delas.

Existem vários elementos a serem considerados na hora de elaborar suas legendas. Veja a seguir mais detalhes sobre cada um deles.

Público-alvo e persona

Não dá para escrever suas legendas sem pensar em com quem você está falando. Se você já traçou um plano de marketing para sua empresa, você já deve ter definido seu público-alvo e sua persona. Com essas informações em mãos, você consegue determinar a forma como sua marca vai se comunicar com o público.

Voltemos ao exemplo anterior da loja de sapatos. Lembra que o público-alvo deles são “millennials que prezam pelo conforto”? Muito provavelmente, essa marca usaria uma linguagem mais informal, despojada e até bem-humorada para falar com esse grupo de pessoas e se aproximar mais delas.

E para descobrir como falar com seu público, basta observar o comportamento de seus competidores e de usuários que seriam considerados seu “cliente ideal” no Instagram. Veja como eles se manifestam na rede social e incorpore esse jeito de falar em suas legendas — sem deixar a identidade de sua marca de lado, é claro.

Introdução

Não sei se você já reparou, mas quando você está rolando a página no feed de notícias, as legendas de cada publicação aparecem cortadas. E o pior de tudo é que, na maioria das vezes, nem clicamos para ver a legenda completa.

O que faz um usuário querer ler a legenda por inteiro? Em primeiro lugar vem a imagem, é claro. Mas a introdução de sua legenda também tem papel fundamental nessa decisão.

Com as primeiras palavras de uma legenda, você pode instigar a curiosidade do leitor ou chamar a atenção para uma informação importante. Por isso, não desperdice esse espaço com palavras que não acrescentam nada à publicação.

Call to action (CTA)

O call to action, ou em português, a chamada à ação, é uma frase que convida o leitor a fazer alguma coisa. Você encontra muito CTA em botões de sites: “Saiba mais”, “Inscreva-se agora” e “Faça login” são alguns exemplos.

Você quer que as pessoas visitem sua loja? Comprem um produto específico? Compartilhem e comentem sua publicação? É o CTA que vai deixar isso claro para o público.

Ao elaborar seu CTA, você precisa levar em consideração a etapa do funil de vendas a que sua publicação será direcionada.

Recomendamos que seu CTA venha destacado do resto da legenda para que o usuário possa rapidamente identificá-lo, aumentando assim suas chances de conversão. Em geral, o CTA vem no fim da legenda, mas fique à vontade para experimentar combinações diferentes e observar o desempenho de seus posts.

5. Use as melhores hashtags para alcançar mais usuários

Mesa com vários símbolos de hashtag recortados em papel.

As hashtags são um excelente recurso para colocar seu conteúdo diante de novos usuários e vender pelo Instagram. No entanto, é essencial encontrar as hashtags ideais para suas publicações.

Ao usar hashtags em suas publicações, você as está associando a determinadas palavras-chave. Essas hashtags permitem que pessoas que pesquisam por essas palavras-chave encontrem suas publicações.

Para obter resultados efetivos com as hashtags, tenha cuidado ao selecioná-las. Analise outras publicações que foram marcadas com a hashtag que deseja usar e veja se seu post se encaixa na categoria.

Se seu perfil ainda tem poucos seguidores, evite também usar apenas hashtags que já tenham milhões de publicações, pois seu post se perderá entre outros muito mais populares. Sua loja virtual terá mais chance de ser notada se você incluir hashtags com até 500 mil publicações.

Você pode incluir até 30 hashtags em cada publicação, e elas podem vir tanto no final de sua legenda ou à parte, em um comentário da publicação. Seu post será encontrado de qualquer forma.

As hashtags também têm outro benefício: você pode usá-las para ficar de olho nas tendências e encontrar novas ideias do que vender no Instagram. As hashtags são um ótimo termômetro para descobrir o que seu público-alvo está procurando na rede social.

6. Adicione uma localização em seus posts

Quando você publica no feed ou nos Stories, você tem a opção de adicionar a localização das postagens.

Para quem tem loja virtual, o recurso tem dois benefícios. O primeiro é informar aos usuários a localização da sua empresa, o que pode ser um fator decisivo na hora da compra; muitos consumidores dão preferência a empresas locais pela conveniência e pela agilidade na entrega.

Já a segunda vantagem é atrair pessoas que não seguem o seu perfil ainda. No Instagram, é possível realizar pesquisas por localização, o que significa que alguns usuários podem encontrar sua publicação através dessa ferramenta.

Esqueceu de incluir a localização no seu post do feed? Não tem problema! Lembre-se de que você pode editar suas postagens e adicionar a localização posteriormente.

7. Ative o Instagram Shopping

O Instagram Shopping facilita muito a vida de lojistas, principalmente dos que querem vender pelo Instagram mas ainda não tem o famoso “arrasta pra cima”. Com essa funcionalidade, você pode inserir etiquetas com o nome e o preço dos produtos exibidos em suas fotos no feed e nos Stories.

Veja abaixo uma publicação da loja Pantys com o Instagram Shopping:

Foto de tela de um celular mostrando uma publicação da loja Pantys. A publicação tem uma foto de uma modelo usando uma calcinha menstrual e, na publicação, há etiquetas com o nome dos produtos e os preços.

Ao clicar em Ver produtos, o usuário acessa o catálogo da loja, que mostra esse e outros produtos da Pantys:

Foto da tela de um celular mostrando o catálogo da loja Pantys no Instagram.

Uma vez que um item do catálogo é escolhido, o usuário é redirecionado ao site da loja para finalizar a compra.

Se você já se animou, calma lá! Antes de ativar o Instagram Shopping, você precisa atender a alguns pré-requisitos:

8. Incentive o engajamento de seus seguidores

Quando o lojista ainda está aprendendo como vender pelo Instagram, é normal ter aquela ânsia de chegar logo aos milhares de seguidores. É claro que ganhar mais seguidores é algo positivo, mas pouco adianta ter 10 mil seguidores se são todos fantasmas.

A palavra que determina seu sucesso nas vendas pelo Instagram é engajamento. Mas por que o engajamento é tão importante? 🤔

Todo o conteúdo do Instagram é impulsionado pelo engajamento que uma publicação gera. Funciona desta forma: primeiro, o Instagram mostra sua publicação para um grupo de seguidores. A interação desse primeiro grupo com seu conteúdo é que vai indicar para o algoritmo se sua publicação é interessante e, portanto, deve ser mostrada a mais pessoas.

O desafio é, justamente, fazer suas publicações se destacarem em meio à avalanche de conteúdo a que somos expostos nas redes sociais todos os dias. Por conta desse excesso de informação, os usuários estão cada vez mais seletivos em relação ao que curtem e acompanham no Instagram.

Para gerar engajamento, não basta apenas publicar inúmeras fotos de seus produtos. Esse tipo de conteúdo acaba ficando cansativo para seus seguidores, pois se assemelha aos diversos anúncios a que são expostos todos os dias.

As pessoas não usam o Instagram exclusivamente para conhecer produtos. Trata-se de uma rede social que, como tal, enseja interação e conexão. É por isso que o Instagram é a plataforma ideal para se aproximar de seu público.

E as marcas que sabem como vender pelo Instagram não dão ponto sem nó: por trás dessa aproximação, existe um enorme esforço para atrair e encantar o público — um esforço que, em geral, se traduz em estratégias de marketing de conteúdo.

Confira a seguir algumas ações de marketing que você pode implementar em seu perfil para incrementar seu engajamento:

  • Inclua chamadas à ação em suas legendas que incentivem a interação, como perguntas aos usuários, por exemplo;
  • Crie enquetes e perguntas no Instagram Stories;
  • Compartilhe conteúdo educativo (como tutoriais) ou de entretenimento (como memes), sempre relacionado ao seu nicho;
  • Realize sorteios e concursos;
  • Faça lives para interagir com seus seguidores em tempo real.

Para verificar se sua estratégia de marketing de conteúdo está dando certo, é fundamental ficar de olho no desempenho de suas publicações e nas métricas de sua conta no Instagram. Além de conferir os números fornecidos nos Insights do Instagram, você pode fazer uso de ferramentas online gratuitas que ajudam a calcular o engajamento de seu perfil, como Social Blade e NotJustAnalytics (disponíveis em inglês).

9. Invista em Instagram Ads

Tudo que você viu até aqui mostra como vender pelo Instagram sem necessariamente precisar fazer um investimento financeiro. No entanto, se seu orçamento permitir, pense na possibilidade de usar o Instagram Ads.

Os anúncios do Instagram correspondem a posts ou Stories pagos por você para serem exibidos para usuários da rede social. Esses anúncios pagos têm a mesma carinha dos posts dos usuários, com a diferença de que são identificados com uma etiqueta de “Patrocinado”.

Captura de tela de um celular mostrando um anúncio pago no Instagram.

Você também pode incluir um botão de CTA tanto nas publicações no feed quanto nos Stories, com o objetivo de aumentar o tráfego ou as conversões de sua loja virtual. O botão vem na parte inferior da publicação.

Captura de tela de um celular mostrando um anúncio pago nos Stories do Instagram.

E quanto custa rodar um anúncio no Instagram? A boa notícia é que você é quem determina o quanto quer gastar por campanha e por dia. A partir daí, o Instagram tenta obter os melhores resultados possíveis com o orçamento que você definir, dentro do prazo estipulado por você.

Para começar a vender pelo Instagram Ads, o primeiro passo é criar uma conta no Facebook for Business e vinculá-la ao seu perfil no Instagram. Se você já fez isso, você pode pular para o passo a passo seguinte e ver como criar um anúncio.

Como criar sua conta Facebook for Business e vincular ao Instagram

  1. Acesse o Gerenciador de Negócios do Facebook e crie sua conta;
  2. Vá até Configurações > Páginas e crie a fanpage de seu negócio;
  3. Uma vez criada sua fanpage, vá em Configurações > Contas do Instagram e informe seu nome de usuário e senha para vincular as contas do Facebook e do Instagram.

Como criar anúncios pagos no Instagram

  1. Dentro do Gerenciador de Negócios, vá em Mais ferramentas > Públicos > Criar um público salvo, para melhor direcionar seus anúncios (este passo é opcional);
  2. No menu do Gerenciador de Negócios, clique em Anúncios > Criar anúncio;
  3. Selecione os objetivos de sua campanha, o nome da campanha e o público que deseja alcançar (aqui você pode selecionar o público que já foi salvo);
  4. Em Plataforma, escolha o Instagram como a rede social em que o anúncio será veiculado;
  5. Defina o orçamento a ser gasto na campanha;
  6. Escolha o formato de seu anúncio e a URL que deseja divulgar;
  7. Informe seus dados pessoais ou da empresa, bem como as informações de pagamento, para publicar o anúncio.

Seu anúncio, então, passará por uma análise para verificar se está de acordo com as políticas do Facebook, o que significa que pode levar ainda alguns minutos até ir ao ar. Uma vez aprovado, é só começar a vender pelo Instagram!

Vale lembrar que o anúncio será promovido apenas pelo tempo determinado por você.

Promoções dentro do aplicativo do Instagram

O Instagram já deve ter perguntado a você se gostaria de promover uma publicação sua. As promoções do Instagram são uma forma bem rápida e prática de criar anúncios, porém são menos eficazes.

Lembra que você pode criar seu próprio público no Gerenciador de Anúncios? Dentro do app do Instagram, você não tem a mesma possibilidade de segmentação do público. Com menos personalização, você pode estar gastando dinheiro para mostrar seu anúncio para usuários que jamais serão seus clientes.

Caso você ainda queira experimentar a ferramenta, basta ir até seu perfil, clicar em Promoções e seguir as etapas pedidas pelo aplicativo.

Com as promoções, você também tem a opção de definir seu orçamento e por quanto tempo deseja veicular o post desejado.

10. Faça parcerias com influenciadores

Mulher tira selfie com o celular em uma sala de estar, de frente para o laptop.

Outra estratégia de vendas pelo Instagram que costuma ser bastante eficiente é a parceria com influenciadores. Entretanto, para que seja uma parceria de sucesso, é preciso selecionar personalidades que combinem com sua marca. Não faça sua escolha com base apenas na popularidade da pessoa.

Na hora de selecionar seu influenciador, pense no seguinte: os seguidores desse influenciador são compatíveis com seu público-alvo? Esse influenciador se enquadra no perfil de seus clientes e compraria seus produtos?

Em geral, é melhor deixar a criação de conteúdo por conta dos influenciadores digitais — ninguém conhece os seguidores deles tão bem quanto eles próprios. Sendo assim, não se preocupe se o material produzido pelo influenciador contratado parecer muito amador, pois a proposta da parceria é de fato ser diferente de um anúncio pago, por exemplo.

A principal vantagem de recorrer a influenciadores é a possibilidade de alcançar um público semelhante ao seu com um conteúdo mais autêntico, dando ao seu produto a “chancela” do influenciador parceiro.

11. Aprenda como vender no Instagram com seus erros

O que não falta por aí é gente distribuindo regras sobre como vender pelo Instagram. Este artigo não tem como pretensão dizer o que você deve ou não deve fazer, mas sim mostrar um pouco do potencial de vendas no Instagram. Você pode — e deve! — dar uma chance às estratégias que fizerem mais sentido para você e seu negócio. E muitas vezes você só vai descobrir se uma estratégia é boa ou não na prática.

Acompanhe o desempenho de suas publicações e seus anúncios para entender o que dá certo e o que precisa ser ajustado. A máxima de “tentativa e erro” é uma ferramenta valiosa para quem quer vender no Instagram.

É hora de vender no Instagram!

E agora, você já sabe como vender pelo Instagram? É realmente muita informação, e é normal tropeçar de vez em quando — até a galera cascuda de Instagram comete lá seus deslizes.

Por mais que a pressão para estar presente no Instagram seja enorme, não deixe de respeitar seus limites pessoais e de seu negócio.

E não se coloque para baixo se o resultado não vier do dia para a noite. Lembre-se de que crescimento lento também é crescimento.

Use seus tropeços para aprender e melhorar e não para se culpar. Perdoe-se e tenha paciência com você; afinal, você está só começando. 💪🏽

Perguntas frequentes sobre como vender pelo Instagram

Por que vender pelo Instagram?

O Instagram é uma excelente ferramenta para se conectar com o público e expor sua loja virtual a novos clientes.

Como vender pelo Instagram em 2021?

Para começar a vender pelo Instagram, crie uma conta comercial, ative o Instagram Shopping e vincule seu catálogo à sua loja virtual.

Quais são as melhores dicas de como vender pelo Instagram?

Para vender pelo Instagram, é fundamental otimizar seu perfil do Instagram, suas publicações e interagir com seus seguidores. Se você tem orçamento, vale a pena também investir em anúncios pagos e parcerias com influenciadores.

Which method is right for you?Sobre a autora

Bianca Saburi é copywriter e escritora. Adora aprender mais sobre marketing e e-commerce, além de ser apaixonada por livros e cachorros.

Você tem dúvidas sobre a Shopify?

Entre em contato a nossa Central de ajuda

Tópicos: